vocacao mosteiro do salvador

 

                                                                         

A procura de Deus na Regra de São Bento é marcada pelo seguimento radical de Cristo.

“Escuta, filho(a), os preceitos do Mestre...”   Assim ele inicia sua Regra, este é o segredo para quem deseja ser discípula e discípulo do Senhor.

Eis o dinamismo proposto no prólogo da RB, expresso através dos verbos de ação: “escutar”, “inclinar o ouvido”, “renunciar”, “empunhar as gloriosas e poderosíssimas armas da obediência”, “combater”, “empreender algo de bom”, “levantar”, “correr”, “afastar-se do mal”, “ procurar e seguir a paz”, “cingir os rins”, “glorificar o Senhor”, “militar”, “cumprir”, “corrigir os vícios”, “não fugir”, “progredir” “participar dos sofrimentos de Cristo”, “merecer estar com Ele” (cf. RB Prol.).

 As expressões acima mencionadas,  estão inseridas no caminho a seguir o Cristo pobre, casto e  obediente à vontade do Pai. Como relata o evangelista João: “Não vim fazer a minha vontade, mas a d’Aquele que me enviou”(Jo 6,38).

O vocacionado à vida monástica se dispõe a trilhar esse caminho.